Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2014

Esquizofrenia: deficiência ou não?

Imagem
Não tenho a pretensão de, neste post, definir se a esquizofrenia é uma deficiência ou não. Não me julgo capaz para tal ato, mas creio que tenho o direito de dizer o que penso e sinto sobre esse assunto tão controverso, ainda mais quando a questão do passe livre é discutida.
    Em Ipatinga-MG, por volta do ano de 2007, consegui o passe livre sem maiores problemas e quase nenhuma burocracia. Compareci no dia marcado no posto de saúde, o médico apenas conferiu o laudo e os documentos e depois me deu a concessão parar ir à empresa de ônibus que administra o trasporte coletivo da cidade.      Já em São Paulo, tentei em diversos lugares, mas sem sucesso. Na capital paulista o passe livre, que é chamado de bilhete único especial, é válido em todo o estado, ou seja, ele é municipal e intermunicipal.
    Logo nos primeiros dias de São Paulo fui à um Caps, próximo do abrigo Arsenal da Esperança, a fim de renovar o estoque de diazepan. Em relação ao antipsicótico até hoje não sei o que fazer…

Exame de serotonina

Imagem
Recentemente uma leitora do blog postou um comentário afirmando que sua serotonina estava baixa, em torno de 6, quando o mínimo aceitável é 50. Fiquei intrigado e perguntei como ela sabia dessa informação. A resposta veio no mesmo dia: ela afirmou que foi através de um exame de sangue.
    Pesquisei no Dr. Google e constatei que esse exame realmente existe. Lembro-me que, por volta do ano de 2005 cheguei a perguntar  à um psiquiatra como eles descobriam que uma pessoa tinha realmente uma depressão. Ele me respondeu afirmando que o diagnóstico era feito baseado no relato do paciente, pois a serotonina era fabricada no cérebro e não circulava pela corrente sanguínea.
    Hoje, depois dessa descoberta, inúmeras dúvidas tomaram conta de minha cabeça. Se esse exame consegue realmente analisar os níveis de serotonina, por que então ele é pouco conhecido?
   A maioria das pessoas que têm depressão desconhecem esse exame, pelo que pude perceber, ao fazer a pergunta para alguns amigos virtuai…